segunda-feira, 16 de abril de 2012

A arte de cultivar orquídeas































A ARTE DE CULTIVAR ORQUÍDEAS


Consideradas seres tão especiais, as orquidáceas merecem atenção redobrada no cultivo e na adubação – um verdadeiro tratamento de rainha. Assim, para os que iniciam nesta cultura, indicamos uma série de cuidados que garantirão a boa preservação de suas espécies.


-Em primeiro lugar, tratar a orquídea como um ser vivo e procurar entender as plantas (esta talvez seja a principal meta da orquidolilia);

-Não ter mais orquídeas do que possa cuidar;

-Tentar fazer suas prórias experiências e conhecer os segredos de cada espécie;

-Associar-se a uma associação orquidófila, ponde poderá aprender e conhecer novas plantas;

-Cultivar plantas desde uma polegada até a floração, o que é uma experiência fascinante;

-Ter cuidado com inseticidas e adubação em excesso, que podem prejudicar as plantas;

-Evitar teorias, técnicas ou livros complicados ( o ideal é contatar outros colecionadores e se orientar pela prática;

-Em caso de dúvidas pesquisar várias opiniões e tirar suas próprias conclusões;

-Procurar não mudas suas orquídeas de lugar, o que pode prejudicar o seu ritmo;

-Visitar vários habitats, pois com boa observação, você entenderá melhor sobre o cultivo
de todos os gêneros;

-Ir a exposições, a fim de conhecer novas espécies e trocar informações com os orquidófilos mais experientes;

-Estar atentos à irrigação, que é um dos fatores mais importantes do cultivo – numa estufa, as orquídeas necessitam de água todos os dias;

-Inspecionar as plantas constantemente, ara verificar se não há nenhuma anormalidade;

-Esterilizar os materiais de trabalho como tesoura e vasos, entre outros, para evitar
contaminação;

-Retirar flores, folhas e bulbos secos ou doentes periodicamente;

-Filtrar a luz solar com um telado ou colocar a orquídea sob folhagens, pois o excesso de luz pode prejudicar algumas plantas;

-Evitar o armazenamento de vasos empilhados, xaxins velho, mato, os quais são convites ao brigo de insetos e fungos;

-Sempre utilizar etiquetas para uma melhor identificação das plantas. O primeiro nome grafado com letra maiúscula refere-se ao gênero, o segundo com letras minúsculas refere-se à espécie e o terceiro, também com letra inicial maiúscula, refere-se ao descobridor da planta;

-Começar com uma coleção racional de diversos gêneros e época de floração; o ideal para o início são 60 plantas; com isso, você terá floração mensalmente e visualizará as diferenças de cultura de cada uma delas;

Além dessas orientações gerais, é preciso estar atentos às características de cada espécie, a fim de que as plantas recebam os cuidados adequados e não morram.

Por Simone Tinti e José Antonio Edsfeldz
Revista O Mundo das Orquídeas – Ano 9 – Nº 46

19 comentários:

  1. Ola Bete,retribuindo sua visita...e agradecendo por ser minha seguidora também...fico muito feliz,obrigada por compartilhar textos onde posso aprender a cada dia mais a cuidar das minhas tão queridas orquideas...bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Trud sempre lia no face seus post, mas cancelei, e hoje resolvi ver nos meus seguidores quem tinha blog, para seguir, assim continuo vendo os post. Obrigado pela visita e volte sempre.
      abraços e uma linda noite

      Excluir
  2. Trud, sempre lia no face seus post, como cancelei meu face (não me senti bem) resolvi repassar meus seguidores e ver quem tem blog e por felicidade encontrei, agora seguindo posso novamente ver seus post.
    abraços e uma linda noite

    ResponderExcluir
  3. Oi Bete vim retribuir a visitinha , ja estou te seguindo tmb,obrigada e volte sempre lindas essas orquideas!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Tati
      voltarei sim,
      abraços e um lindo dia

      Excluir
  4. Oi Bete!
    Vejo que compartilhamos a admiração e o amor pelas orquídeas.
    Parabéns pelo blog!
    Beijos
    P.s. Já estou te seguindo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ´W bom saber pois nas dúvidas temos onde recorrer, obrigado e volte sempre
      abraços e um lindo dia

      Excluir
  5. Bete boa noite, vim retribuir a visita lá no santadica e te desejar tambem uma otima semana.
    Ja te sigo por qui e voltarei mais vezes, orquideas sao tudo de bom .Quando vc tiver um tempinho te convido a ir conhecer meu outro blog o http://casadecorada45.blogspot.com.br/
    bj menina e obrigadaa.
    Valéria Ferro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Valéria
      Obrigado pela visita e convite, vou sim.
      abraços e uma linda tarde

      Excluir
  6. All are beautiful. The most I like is the yellow Lc. What is the name?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thanks for visiting. Yellow is a hybrid when I got too old and have had no ID, I should get this.
      hugs and a beautiful day

      Excluir
  7. Bete, adorei seu blog! Um colírio para os olhos! Agradeço sua visita e estou te seguindo tbm! bjs!

    Ana

    anysmakeup.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Obrigado Ana
    Volte sempre
    abraços e uma linda noite

    ResponderExcluir
  9. Oi : )
    Agradeço sua visita : )
    Eu amo muuuuuuuuuuuuuuito orquídeas, ainda tenho muito que aprender, mas penso que com ajuda de blogs como o seu eu vou acabar virando uma expert no assunto : D

    Muito obrigada : )
    Tenha um ótimo dia : D

    ResponderExcluir
  10. Oi Mari
    se precisar e u é claro puder ajudar é só gritar ta.
    abraço e uma linda tarde

    ResponderExcluir
  11. Olá Bete estou conhecendo seu Blog e adoro orquídeas só que moro em apartamento e só tenho uma, que ganhei de uma amiga no ano passado, ela nunca mais deu flor após cair a que estava nela. Gostaria de saber o que poderia fazer para ela não morrer e florir novamente ela e a orquidea lilas rosada da grande, desculpe mais não sei o nome. Se puder me ajudar agradeço. bjs
    Merielen

    ResponderExcluir
  12. Toda orquidea precisa de cuidados com a luminosidade, rega, etc.
    meu e-mail: beteorquidea@hotmail.com
    poste uma foto fica melhor para orientar, uma vez que não tem o nome.
    abraços e uma linda tarde

    ResponderExcluir
  13. Oi Bete, enviei um e-mail para ti com a foto da orquìdea que tenho, se for possível me confirma o nome, para poder cuidá-la melhor. Agradeço desde já.
    Rejane Martinez.

    ResponderExcluir
  14. Oi Rejane
    Já vi e respondi
    Não sei te dizer, mas cuide dela como Cattleya.
    você não vai errar no cultivo.
    abraços

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...