quinta-feira, 3 de maio de 2012

"Pleurothallis - Pequenas notáveis"1" - Microorquídeas


“Pleurothallis – Pequenas  notáveis” - Microorquídeas - Parte 1

Com a infinidade de espécies, o gênero Pleurothallis se destaca no universo das orquídeas. Mesmo minúscula, suas flores são marcantes, tanto pela beleza quanto pelo intenso aroma  que desperta.

Por Rodolfo Bocardo Palis e Vanessa Moura.
Revista O Mundo das Orquídeas – Ano 11 – Nº 59
Foto  e Cultivo : Elisabete Delfini -  Pleurothallis hoje Acianthera

Pleurothallis é um gênero Botânico pertencente a família das orquídeas. Foi publicado pelo botânico inglês Robert Brow, em 1813, baseando sua descrição na espécie Epidendrum ruscifolium(hoje conhecida como  Pleurothallis  ruscifolia), originária do Brasil. Seu nome é uma referência ao tipoo de brotação de algumas de suas espécie, que, estendendo-se para os lados formam padrões semelhantes a costelas.
O gênero pleurothallis esteve mal-definido desde sua criação. Durante quase 200 anos, era classificado como qualquer espécie pertencente à subtribo Pleurothallidiane, pois suas características físicas não deixavam determinar claramente a identidade, resultando em quase 2.100 espécies submetidas a um gênero extenso e desestruturado.
(Click na imagem para ampliar)

Na última década, a publicação de inúmeros estudos sobre as semelhanças entre as espécies redefiniu o grupo, apresentando-o como um gênero, com algumas dezenas de espécie. Mas vamos abordá-lo como conhecíamos antigamente, deixando as diferenças de nomenclaturas para os taxonomistas – especialistas em classificar as plantas.
Há muitos sinônimos para esta planta, dotada do maior número de espécies entre todos os gêneros americanos, e facilmente encontrada por todo o continente. É, inclusive o mais vasto gênero brasileiro.
(Click na imagem para ampliar)

Desde sua classificação, já receberam vários nomes : Acianthera, Acronia, Anathallis, Ancipitia, Andinia, Colombina, Crocodeilanthe,, Cryptophoranthus, Dracontia, Effusiella, Elongatia, Geocalpa, Humboldtia,Kraenzlinellal Lephantes, Loddigesia, Muscarella, Octomeria, Panmorphia, Phloeophila, Physosiphon, Platystele, Pleurothallopsis, Restrépia,  Restrepipsis, Rhyuchopera, Rubellia,  Sarcinula, Sarracenella, Specklinia, Stelis, Talpinária, trichosalpinx,  Unciferia, Zoothrophion,Zosterophyllanthos.
(Click na imagem para ampliar)

DIMENSÕES

Este gênero é bastante interessante por apresentar plantas extremamente ecléticas, ou seja, que gostam de viver em variados clímas e lugares, passando de epífita(encontradas em árvores) a rupícolas (adaptadas em rochas). Geralmente são plantas de médio a pequeno  porte, embora existam as exceções com dimensões assombrosas como a Pleurothallis restrepioides, que ultrapassam facilmente os 50 cm de altura, e outras que, de tão pequenas podem passar despercebidas pelos menos atenciosos. É o caso das Pleurothallis microphyta e Pleurothallis minutallis, que quase invisíveis a olho nu, medindo apenas 5 mm de diâmetro.
 (Click na imagem para ampliar)

A grande maioria das espécies estão agrupadas na seção de microorquídeas cujas flores não costumam ultrapassar 1 cm de diâmetro Por este motivo são as mais procuradas pelos loucos por “matinhos”, como são chamados pelos orquidófilos. Se você  está entre esses colecionadores e cultivadores possivelmente quer adquirir mais e mais espécies, o que é possível. De tamanho bastante reduzido, as Pleurothallis microphyta e Pleurothallis minutallis ocupam pouco espaço sendo possível ter centenas em áreas pequenas como balcões na varanda de seu apartamento.
 
 PLEUROTHALLIS “Pequenas notáveis” Microorquídeas
Por ser uma matéria  extensa  vamos dividi-las
Parte 2 – Vamos falar sobre : ADUBAÇÃO, CULTIVO ESPECIAL, FLORAÇÃO, REGAS E        ILUMINAÇÃO                 
Parte 3 -  Vamos falar sobre : PLANTAS DOENTES   E IDENTIFICAÇÃO

abraços

6 comentários:

  1. Ótimas informações e lindas fotos, Bete! Muito obrigado por compartilhá-las! Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita e elogios, volte sempre Sergio.
      abraços e um lindo final de semana

      Excluir
  2. Género maravillhoso e diversificado. Eu também adoro micro-orquídeas.
    Parabéns e obrigado por este belo e elucidativo post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Américo pela visita e elogios, logo estarei postando a parte 2 e 3.abraços e um lindo final de semana

      Excluir
  3. Oi Bete...
    Passando pra retribuir a visita. Muito legal o seu blog e com dicas muito úteis .
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Oi Paulinha
    fico feliz por ter gostado.
    volte sempre
    abraços e um lindo sábado

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...