quinta-feira, 5 de julho de 2012

Bulbophyllum lasiochillum

Bulbuphyllum lasiochillum   do blogdabeteorquideas
Bulbophyllum (em português: Bulbófilo) um género botânico pertencente à família das orquídeas (Orchidaceæ). Foi proposto por Thouars em Histoire Particulière des Plantes Orchidées Table 3 of the species of orchids, em 1822, ao transferir pare este gênero uma espécie anteriroemente por ele descrita descrever sua espécie tipo, a Phyllorkis nutans hoje Bulbophyllum nutans.
Bulbophyllum fletcherianum com flores e frutos. É uma planta epífita originária da Nova Guiné, muito conhecida pelo perfume nauseabundo que suas flores exalam e pelas folhas imensas que podem medir até um metro de comprimento. Observe o tamanho das Cattleya walkeriana ao seu lado.

Bulbuphyllum lasiochillum  do blogdabeteorquideas
É o mais vasto e um dos mais complexos gêneros dentre as orquídeas, com cerca de duas mil espécies bastante diversas, distribuídas pelos tropicos de todos os continentes com predominância no sudeste africano e asiático. Somente na Nova Guiné há mais de quinhentas espécies descritas.
Etimologia
O nome do gênero (Bulb.) procede da latinização das palavras gregas: βολβος (bolbos), que significa "bulbo", "tubérculo", "raiz carnuda"; e φύλλον que significa "folha", aludindo à forma bulbosa das folhas da primeira planta descrita, folhas bastante espessas.


Descrição
Poucas são as características comuns a todas as espécies deste gênero. Apresentam crescimento simpodial e frequentementa apresentamrizoma bastante longo crescendo de forma desordenada com pseudobulbos bem espaçados, de modo que até que a planta forme uma touceira, seu aspecto é bastante desarrumado, muitas espécies apresentam crescimento cespitoso. Têm uma folha por pseudobulbo, raramente duas. Estas são coriáceas e possuem pecíolo evidente. As folhas variam de poucos centímetros até quase um metro de comprimento.

A inflorescência é produzida a partir de nós do rizoma ou da base do pseudobulbo, e pode conter desde uma flor solitária, até dezenas de flores dispostas de maneiras variadas. Algumas nascem formando uma coroa ou estrela, outras formam uma umbela ou corimbo, ou podem nascer enfileiradas e paralelas. As flores também variam de poucos milímetros até cerca de 30 cm de comprimento.
Normalmente o labelo dessas plantas é bem colorido e imita insetos da região em que vivem. Na maioria das espécies a base do labelo é apenas levemente preso ao resto da flor de modo que podem mover-se com a mais leve brisa atraindo insetos polinizadores. Algumas são perfumadas e outras produzem cheiro bastante repulsivo, que pode assemelhar-se ao de carniça. As sépalas podem ser mais ou menos concrescidas e consideravelmente mais largas que as pétalas e labelo.

Cultivo
Cultivam-se das maneiras mais variadas conforme seu local de origem. De modo geral os Bulbophyllum asiáticos e africanos são plantas fáceis de manter, que gostam de bastante claridade, calor e muita umidade, mas não toleram o sol pleno, em poucos anos formando grandes touceiras. Já algumas das espécies brasileiras podem ser consideradas de cultivo dificílimo. Muitas são rupícolas e gostam de bastante sol, e mesmo sol pleno com pouca umidade do ar. Outras provém de florestas e apreciam mais umidade e menos sol.


Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Foto e Cultivo : Elisabete Delfini

10 comentários:

  1. Olá bete boa noite,vim agradecer e retribuir sua gentil visita,fiquei muito feliz com sua presença em meu cantinho!!Uma ótima sexta bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado para você também
      um lindo final de semana.
      abraços

      Excluir
  2. Bete isso só pode ser um Duende...Perfeito!
    Qto as orquideas p troca tenho poucas, tô ainda começando... temos q ver o q vc não tem.
    Qualquer informação estarei à sua disposição.
    Meu email é: adelpha.simoes@gmail.com
    Abç.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flávia achei parecido com cachorro bravo.
      abraços e um lindo final de semana

      Excluir
  3. Muito bonito!! Eu adoro Bulbophyllum! Este é precioso, lembra um insecto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, consegui ver nele um cachorro bravo.
      abraços

      Excluir
  4. Absolutely stunning flower and beautiful photos, too, as usual.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Ron,
      suas imagens também são divinas.
      abraços

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...