sexta-feira, 10 de maio de 2013

Acianthera


Pleurothallis fockei, Pleurothallis tricarinata, Acianthera tricarinata


 

Acianthera é um género botânico pertencente à família das orquídeas (Orchidaceae) ao qual estão subordinadas 177 espécies.

O gênero Acianthera foi proposto por Scheidweiler em Allgemeine Gartenzeitung 10(37): 292, em 1842, ao descrever a Acianthera punctata, hoje considerada sinônimo da Acianthera recurva.

O nome é uma referência a posição da antera de alguma de suas espécies.

Distribuição

Existem em todos os países latino-americanos, exceto o Chile. Estimamos que o número de espécies deste gênero encontradas no Brasil seja próximo de cem.

 
Descrição

Quando iniciou seu estudo sistemático da subtribo Pleurothallidinae, Carl A. Luer propôs que se estabelecesse um subgênero de Pleurothallis, ao qual denominou Acianthera, vagamente baseado nas características da Acianthera recurva. Dentre outras características, com algumas exceções, estas espécies podem ser reconhecidas por apresentarem flores mais ou menos carnosas, com duas polínias, de sépalas laterais concrescidas, que brotam solitárias ou em pequeno número de inflorescências terminais do ramicaule, com folhas sésseis, mas algumas vezes com a base dando a impressão de ser contínua ao ramicaule, e este sem a presença do annulus, estrutura já definida ao tratarmos de Pleurothallis. São plantas bastante variáves, pequenas ou grandes.
 

 





Além das características citadas acima acrescentamos que estas espécies são sempre unifoliadas, com folhas mais ou menos carnosas, coriáceas ou roliças; com ou sem espata; são comuns flores de superfície pubescente ou verrucosa; o labelo costuma ser trilobado e espesso, geralmente com dois calos ou espessamentos no disco, os lobos laterais pequenos, próximos à base do labelo e em regra erguidos; a antera costuma ocupar posição ventral na coluna, a qual apresenta diversos tipos de asas ou aurículas.

Dentre as plantas brasileiras podemos reconhecer alguns grupos de espécies:

 
 
 
Aquelas de folhas muito espessas, roliças ou acanoadas, com inflorescência ereta ou arqueada, como a Acianthera rupestris e a Acianthera sonderiana.

    Uma espécie bastante diferente, de grandes folhas pendentes e delicadas que formam uma espécie de concha, que esconde as flores a Acianthera pectinata.

    Aquelas de folhas bastante carnosas, recurvadas formando uma espécie de gancho, representadas pelas Acianthera hamosa e Acianthera prolifera.

    Um grupo de espécies mais ou menos grandes com caules triangulares herbáceos, e flores minúsculas representado pela Acianthera ochreata.
 




    Outro de plantas grandes com longos caules rígidos e robustos, de secção redonda e inflorescência longa, muitas veses com flores pubescentes, verrucosas ou tricomatosas como a Acianthera saurocephala e Acianthera binotii, ou inflorescência curta, como a Acianthera aphthosa.


    Um grupo grande de plantas pequenas e reptantes com folhas mais ou menos carnosas e ovaladas, eretas ou coladas ao substrato, com uma ou poucas flores, representado pela Acianthera recurva e Acianthera saundersiana.


    Uma pequena espécie reptantes com folhas mais ou menos delicadas e pintalgadas, com muitas flores pubescentes flores escondidas sob elas, representado pela Acianthera crinita.
 
 
Espécies grandes e algo pendentes com inflorescências longas de muitas flores e folhas carnosas elíptico lanceoladas como a Acianthera strupifolia e Acianthera pubescens.

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Fotos : Elisabete Delfini
 

                                             "COMO MANTER AS ORQUÍDEAS NO INVERNO "
http://blogdabeteorquideas.blogspot.com.br/2012/06/orquideas-e-o-inverno-como-mante-las.html

10 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigada Zizi
      abraços e um lindo final de semana

      Excluir
  2. Admiro muito quem cultiva, pois é preciso muita dedicação, mas também deve ser super prazeroso, ver a floração. Parabéns!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Simonha. Obrigada
      Abraços e um lindo final de semana

      Excluir
  3. Outstanding post and beautiful orchids. They are all wonderful, but that last one is really an eye-catcher.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ron
      Obrigada as pequenas são demais.
      abraços e um lindo final de semana

      Excluir
  4. Boa noite! Eu já falei outras vezes, mas nunca é demais: essas fotos suas 'aumentadas' das aciantheras as tornam ainda mais fascinantes! abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E nunca é demais te agradecer.
      Obrigada mesmo
      abraços

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...