sábado, 27 de julho de 2013

Onde Cultivar Orquídeas


TELADOS

As telas plásticas servirão, sem dúvida, para resolver com vantagens o cultivo de nossas plantas em locais mais adequados.
A altura do telado ideal deve estar entre 3 e 4 metros, usando-se a graduação da luminosidade da tela de conformidade com a região onde iremos cultivar as plantas.
Lateralmente, esses telados deverão ser fechados com plásticos transparentes até uma altura de 2 metros, evitando-se o vento que é prejudicial as plantas. Ele também evita a entrada de insetos e pequenos animais.
As bancadas deverão ter 1 metro de altura, com intervalos suficientes para circulação de pessoas.

ESTUFAS

Existem plantas que necessitam de ambientes mais quentes e, por isso necessitam de estufas para sua cultura.
No Brasil, pais tropical e subtropical na maior parte de sua área, a cultura não exige estufas, com exceção dos estados do Sul, onde o inverno é rigoroso.
As vantagens das estufas são o controle de temperaturas, regas, luminosidade e umidade mais estáveis.
Sua cobertura poderá ser de vidro ou plásticos pintados com cal ou látex branco. É muito importante o controle de ventilação dentro das estufas, além da temperatura e umidade ambiente.
Nunca construa uma estufa de pequenas dimensões, pois estará construindo pequenos fornos para as plantas. Uma estufa muito quente propicia o aparecimento de pragas e doenças.
É conveniente abrir vão ou janelas mas paredes laterais para ventilação.

ÁRVORE VIVA

Esse tipo de cultura priva o orquidófilo de levar as plantas floridas para dentro do ser lar, ou mesmo de exibi-las em exposições.
Em compensação, é o meio de cultura mais fácil, pois não requer transplantes nem regas, apenas periódicas desinfecções.
Para esse tipo de cultivo escolha árvores que tenham troncos com casa rugosas e que percam as folhas no inverno. Dessa maneira, as plantas receberão mais luz nesse período em que a insolação é mais branda.
Instale as plantas com ráfia ou barbante de algodão. Quando apodrecerem, a planta já se encontrará enraizada.
Em regiões de muita poluição ou poeira esse tipo de cultura não é recomendado.

CULTIVO EM JANELA DE CASAS E APARTEMENTOS

Para esse tipo de cultura o orquidófilo deverá ser muito observados, corrigindo seus eventuais erros culturais.
Cultive sobre uma mesa ou prateleira, posta de frente para a janela ensolarada, protegida do lado de fora por tela plástica, cortando 50% da luz. As plantas deverão receber um sol peneirado das 10 às 15 horas. Para crescer e florescer, as plantas precisam de luz. Prefira a janela do banheiro por causa da umidade.
A temperatura ideal para a cultura é entre 15 e 25 graus centígrados, mas elas podem suportar, por períodos curtos, temperaturas mais baixas.
As regas e umidade ambiente deverão ser controladas com bandejas com pedriscos onde coloca-se água. Os vasos não deverão entrar em contato direto com a água.
Ao comprar plantas consulte um orquidófilo mais experiente para lhe orientar sobre quais gêneros de plantas poderão ser cultivadas nesses locais. Seja persistente, pois esse tipo de cultura
é mais difícil.

Revista O Mundo das Orquídeas – Nº 2 - Ano 2

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...