terça-feira, 17 de setembro de 2013

Dendrobium pierardii (cucullatum)



Dendrobium cucullatum, Dendronium aphylum, Limodorum aphylum, Dendrobium amoenum

Dendrobium cucullatum, Dendronium aphylum, Limodorum aphylum, Dendrobium amoenum





Dendrobium  pierardii

Espécie epífita com pseudobulbos finos e pendentes que chagam muitas vezes a ter 1 m de comprimento. As folhas aparecem em seus nós, em escapos, com 1 iu 2 flores. Flor de 2 cm de diâmetro com pétalas e sépalas de cor rosa lilacineas e labelo de cor creme esbranquiçado, com pequenas linhas púrpuras basais. È muito gracioso e bastante cultivada entre nós. Floresce no fim do inverno e primavera. Procede da Índia, China, sul da Malasia. Himalaia até Burna, em uma altitude de 300 metros. Foi coletada inicialmente no sul da Índia por William Roxburg e descrita no Coast e Coromendel, em 1975, como Limodorum aphylum. Em 1938, C.E. Fischer a transferiu para o gênero Dendrobium, conhecido como Dendrobium amoenum e D.Pierardii que são sinônimos o nome D. pierardii é o mais usado.
Revista O Mundo das Orquídeas Ano 4 Nº 23

4 comentários:

  1. Amiga, eu ganhei uma mudinha desta orquídea, a + ou - dois anos e agora ela floriu pela primeira vez com duas flores, fiquei muito encantada com ela, ela é muito linda e cheia de charme.
    Parabéns a sua esta super maravilhosa um espetáculo.
    Beijos
    Ângela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, ela é maravilhosa.
      Olha assim que terminar a flor, se a sua estiver em vaso, prenda dentro do vaso e cobre com o substrato, a haste vai soltar novos keikes.
      abraços

      Excluir
  2. Olha só: que 'peludinha' mais linda e sensível! abraço!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...